Passar para o conteúdo principal

Equipamentos de Educação Ambiental

Os Equipamentos de educação ambiental assumem um elevado potencial enquanto centros dinamizadores de educação ambiental nas regiões onde estão inseridos, funcionando ainda como importantes recursos complementares para o sistema educativo formal.

 

Os Equipamentos para Educação Ambiental (EqEA) correspondem a todas as infraestruturas que, contando com instalações apropriadas e equipas educativas especializadas, oferecem programas e atividades neste âmbito.

Exemplos deste tipo de equipamentos são Centros de Educação Ambiental, Centros de Interpretação de Áreas Protegidas, Quintas Pedagógicas, Ecotecas e Parques Ambientais.

A existência de EqEA, a sua distribuição territorial, a crescente e necessária diversificação de destinatários numa perspetiva de educação ao longo da vida, o tipo de recursos de que dispõem e as atividades educativas que neles se desenvolvem, constituem um indicador da capacidade que a sociedade tem para criar condições culturais que tornem possíveis formas alternativas e diversificadas de desenvolvimento ambientalmente sustentável e socialmente mais justas e equitativas para todos os cidadãos.

Os elementos base que devem fazer parte de um EqEA são:

  • ser um espaço físico com infraestrutura e recursos adequados que permitam concretizar atividades de educação ambiental destinadas aos vários públicos-alvo (escolar e outros sectores da população);
  • ter um Projeto Educativo orientado a partir das diretrizes que caracterizam a educação ambiental;
  • oferecer iniciativas e atividades de uma forma regular, ao longo do ano (mais de 120 dias/ano).

Em 2011 foi lançado um inquérito online que permitiu georeferenciar os equipamentos existentes no SNIAMB - Sistema Nacional de Informação de Ambiente, consultáveis no geovisualizador.